O Externato Limiar é uma instituição privada que visa a educação da criança. Divide-se em duas valências: Creche e Jardim de Infância. O Externato Limiar fica situado na Maia, numa moradia antiga  que sofreu profundas obras de adaptação para servir as suas novas funções. A valência de Jardim de Infância funciona num segundo edifício, construído de raíz.

A coordenação dos serviços pedagógicos e do respetivo pessoal cabe ao diretor e ao coordenador pedagógico do estabelecimento. A coordenação pedagógica deste estabelecimento compete a um coordenador pedagógico, cujo nome, formação e conteúdo funcional se encontra devidamente identificado e afixado, em local próprio. O Conselho de Docentes é constituído pelos docentes das valências de creche e pré-escolar e reúne semanalmente, à quinta-feira. Para assegurar o regular funcionamento das áreas de alimentação, manutenção, higiene, limpeza e segurança do equipamento, o estabelecimento dispõe de um quadro de pessoal adequado, em conformidade com a legislação aplicável. O quadro de pessoal deste estabelecimento encontra-se afixado em local bem visível, definido de acordo com a legislação em vigor.

O Regulamento Interno do Externato Limiar visa:
1) Apresentar os Objetivos Educacionais do Externato;
2) Estabelecer as regras de relacionamento entre todos os elementos da comunidade escolar;
3) Promover o respeito pelos direitos dos elementos da comunidade escolar e demais interessados;
4) Promover a participação ativa e responsável dos utentes e seus representantes legais na ótica dos objetivos educacionais propostos.

 

Ao abrigo do artigo 18.º da lei n.º 144/2015, de 8 de setembro, em caso de litígio de consumo, o consumidor pode recorrer à seguinte entidade de resolução alternativa de litígios de consumo: Centro de informação de consumo e arbitragem do Porto (tel. – 225 508 349/225 029 791; e-mail – cicap@mail.telepac.pt; web – www.cicap.pt).

 

Regulamento Interno 2015-2016

Um Projeto Educativo de Escola deve, sobretudo, projetar-se para o futuro. Trata-se de elaborar um plano de ação que, assimilando os recursos e as experiências já existentes, vá assegurar uma maior dinâmica da Instituição, a médio e a longo prazo. Os dias passam no calendário, um após o outro, parecendo não haver tempo para parar, para pensar, para olhar os outros e o mundo, de forma mais simples, mais serena e mais próxima. A velocidade dos acontecimentos transforma o espaço em que vivemos, alterando, rapidamente, a realidade que achávamos dominar e/ou conhecer. Porque não há tempo, porque não temos tempo, cometemos alguns erros que nem damos conta, deixando a ação ser ultrapassada pela razão e pelos sentimentos, num atordoado de comportamentos, de reações e de preocupações que não são mais do que respostas rápidas e imediatas, compostas de “Sim” e “Não”, pela URGÊNCIA DA RESPOSTA, que devia ter sido ontem. Viver cada dia de forma capaz, olhar a vida com tempo, viver o tempo e no tempo com a qualidade pedida e merecida, é o que de forma mais cuidada e atenta vamos pedir a todos e a cada um, durante os três anos de vigência deste projeto. Cuidar gestos, cuidar regras, cuidar consumos, cuidar hábitos de vida, vão ser para nós trabalho diário e desafio constantes, porque:

“Há coisas que não se compram…
Há coisas que não se vendem…”

 

Projeto educativo 2015-2018